« Anticipation | Main | Red Nose Day »

Meet the Song Thrush

Esses dias tenho me encantado com esta criaturinha aqui:





Um pássaro simpático chamado Song Thrush, de tamanho bem parecido com o Blackbird. Mas com pernas mais longas e ágeis e cérebro mais acurado e bem usado. A população do Song Thrush vem caindo vertiginosamente e hoje a espécie está em Alerta Vermelho nos registros da RSPB. Em nosso jardim recebemos a visita de dois deles. Eles não comem os alimentos que eu ofereço, mas se esbaldam em lesmas (que em si já é um motivo para idolatrá-los), snails (caracóis?), minhocas, larvas e outros insetos.

Quando os Song Thrushes encontram um caracol eles levam a presa até uma pedra mais próxima e começam a bater a concha nesta pedra até que a concha se quebre e eles possam degustar o escargot. Vou deixar um potinho de manteiga e alho do lado da pedra na próxima vez que eles vierem jantar aqui no Chez M&M.





Pepe, que é um ranzinza, não deixa os Song Thrushes ficarem no jardim dele por muito tempo. Mas os Songs Thrushes são espertos, se escondem nos arbustos e Pepe acha que eles foram embora (Pepe é uma lâmpada de baixa voltagem - não é muito brilhante). E muitas vezes os Song Thrushes saem dos arbustos já carregando uma lesma suculenta, que é onde elas se escondem também.

As vezes tenho vontade de exterminar todas as lesmas do jardim, sem misericórdia (mas sem agrotóxico também). Mas as vezes também paro, penso e reconheço que sem lesmas não vai haver Song Thrushes visitando o jardim. É preciso conviver com ambos.





8 Comentários | Deixe um comentário

Que fofa a barriguinha dele! Se é que posso chamar assim rs...

As fotos estão ótimas! Vc alcança todos esses detalhes com uma teleobjetiva ou o Song Thrush que é celebridade acostumada a câmeras?

Sábio fim tem esse post. Me faz pensar nas lesmas pelas quais preciso passar no meu caminho...

bjs

Márcia, antigamente você tinha um link de uma págna de cupcakes. Não consigo lembrar qual é. Será que você pode me passar? Beijos, Bruna Okamoto

Nunca vi esses mo meu jardim.... meus filhos tem um vegetable patch entao eu coloco ou po de cafe ou cascas de ovos para as lemas nao comerem as plantinhas deles... x

Que lindinhos.Acho que nao aperece deste pássaro aqui no meu quintal em Surrey. Vou ficar um pouco mais de olho.Puxa, tem alguem que se encarrega de carregar as lesmas.Bendito seja.

Oi Marcia,

Que fofinhos os song thrushes!

Aqui temos sabiás-do-campo (uns famintos!), bem-te-vis, sanhaços e rolinhas, que vêm comer todo dia no Chez Cris; eles adoram bananas e mamão.

É muito bom alimentar os bichinhos, e em troca podemos vê-los de pertinho ali no jardim.

Fico feliz de ver que o Pepe sobreviveu ao inverno, que pelo jeito não foi fácil.

Um grande abraço!

Cristine

Márcia, que sensibilidade você tem ! Isso me lembrou aquela frase dO Pequeno Príncipe "é preciso suportar uma ou duas lagartas se quisermos vers as borboletas". Lindo, isso tudo. As fotos também.
Bjs

Pepe é o que podemos classificar de alegremente ignorante.
Lindo o passarinho novo! Daqui a pouca notícia se espalha bico-a-bico e haverá vários procurando lesminhas no seu jardim.
beijo

Para mim é um bálsamo vir aqui. No meio de tantas desgraças,divulgadas diariamente na mídia, ver que ainda existem pessoas que podem desfrutar das pequenas maravilhas cotidianas é um alento,uma esperança e uma sugestão para mudarmos de vida... Invejo você, positivamente!

Deixe um comentário