« These days in our garden | Main | First Harvest »

Growth Spurt

Então, caro leitor, lá vem mais um post sobre a horta. Estamos tendo o verão mais quente desde que o sol foi inventado. E em poucos dias a horta se transformou. Como ainda sou inexperiente em raised beds e em plantas em geral, eu não sei quanto espaço cada planta precisa e no momento há uma disputa de espaço entre as folhas desembestadas das abobrinhas. Outro erro de iniciante foi que eu esnobei as regras de plantar em fileiras e quis dar um ar mais natural à horta. Umas sementes aqui e ali. Pois então... Agora eu não sei o que é planta e o que é erva daninha crescendo.

E eu estou morrendo de vontade de plantar mais! Cada centímetro quadrado vazio lá estou eu enfiando só mais uma sementinha. Já é tarde demais na estação para plantar sementes, mas estou apostando num verão longo e um outono quente e estarei colhendo espinafre, couve-flor e feijão em Novembro. We'll see.

























E pela primeira vez na história dos tomates este ano eu não matei nenhum tomateiro, let's rejoice! Todos os anos eu me empolgo, planto a semente, replanto a plantinha, replanto a plantona, depois ou esqueço de regar, ou deixo no sol direto, ou esqueço de nutrir, ou seja o que for, as plantas morrem. Ano após ano. Se você quiser algum tomateiro mortinho da silva, eu sou a pessoa que você precisa. Mas, veja só caro leitor, este ano meus tomates estão crescendo em vasos e já estão quase, quase amarelos para colher (são Sungold, ficam amarelos quando maduros, não vermelhos). Só preciso cuidar que outras mãozinhas não arranquem os frutos ainda verdes da planta.