« The Princess and The Pea | Main | Late Blossoms »

Gardener's Wisdom

Das coisas que aprendi com a nossa horta este ano. Dear diary, este ano aprendi que:

1) Eu não sei de nada.

2) Plantar 3 pés de couve não significa colher e comer 3 pés de couve. Porque 1 e 3/4 de pés de couve foram consumidas pelas lagartas de borboletas brancas (cabbage white)*.

3) Um segundo e meio com a horta descoberta é tudo que a borboleta branca precisa para depositar seus ovos.

4) Lesmas, lagartas e outras pestes simplesmente existem. É preciso aceitar perder parte da sua produção para elas. Controle orgânico (leia-se: eu catando as pestes manualmente e jogando-as no lixo) tem funcionado para nós.

5) Abobrinhas tomam muito espaço e as folhas gigantescas fazem muita sombra nas outras plantas. Plantar fora da raised bed no ano que vem. E 1 planta só é suficiente para nós.

6) Regar, regar, regar é preciso.

7) O único aprendizado que conta mesmo é o número 1.


*Nos divertimos imensamente colhendo as lagartas das couves e colocando-as na caixa de observação de Miss S. Alimentamos, esperamos, logo elas fizeram casulo e em poucos dias a metamorfose aconteceu e deixou Miss S admirada. Tão incrível como uma pequena lagarta se transforma em uma borboleta tão grande! A melhor parte era sempre abrir a caixa e dizer bye-bye para a mais nova borboleta.

---

Mais colheitas. Finalmente folhas de Swiss Chard! E duas de couve. Não deu pra nada, obviamente, mas alegrou nosso macarrão fusilli com linguiça, tomates, Swiss Chard e duas folhas de couve.





E tomates foram prolíficos este ano no jardim dos M&M&S! Tão deliciosos, ainda quentinhos pelo sol, só com uma pitada de sal Maldon.









E uma nova adição ao jardim: nossa tão desejada árvore Japanese Maple Osakazuki. Já mudou as cores das folhas desde que a plantamos. Não é uma árvore que gosta de vento e frio, algo que temos em abundância no inverno daqui. Mas tentaremos. Porque eu sempre quis essa espécie. Please stay, tree.






7 Comentários | Deixe um comentário

Oi, Marcia! Linda a sua nova aquisição do jardim! Espero que ela resista!

Uma vez eu tentei dar uma de jardineira com meras violetas e gérberas, mas não deu muito certo... hehe

=**

Os tomates mais lindos. Seu blog ainda é o cantinho mais gostoso da "minha" internet.

Você sabe muito!! O adubo mais importante de uma horta é o amor e a natureza devolve o carinho recebido em forma de frutos lindos como os que vocês colheram! Parabéns, estão todas perfeitas!!
Linda a Japanese Maple, ela vai resistir sim! Beijos pra vocês!

Marcia,eu conheci essa arvore quando estive em gramado,fiquei fascinada com a coloração das folhas.

Marcinha, quantos momentos preciosos com a horta!
Estou curtindo muito, imagino vocês!
Na torcida pela árvore resistir ao inverno! Bjos!

Ora, você é uma expert em hortas, perto de mim! Gosto de ler seu blog porque sempre aprendo algo. ´Muito legal a idéia de ver as lagartas se transformarem em borboletas.
bjs à família

ACER!!! Quero muito, fico botando olho comprido nas nurseries, mas nunca tive coragem de comprar para acabar perdendo a planta. Minha nectarina, que foi consumida por alguma doença e nunca chegou a mostrar as folhas (comprei em flor) me deixou traumatizada. Tenho que tentar, e aceitar que às vezes perderei dinheiro e tempo, mas não posso perder a esperança e a vontade de tentar! Será que o maple toleraria de um conservatório no inverno? :)

---

Lolla, Japanese Acer são boas escolhas para plantar em vasos e com isso são mais fáceis de proteger do frio e geada. Já compramos uma pequena acer uma vez, deixei lá fora sem cuidado nenhum, no mesmo pote de plástico que veio, sem aguar nem nada e logo depois do primeiro inverno, claro, morreu. Para esta preciso comprar "garden fleece" e ficar de olho nas ventanias. Tente sim, as vezes elas sobrevivem e nos trazem muitos sorrisos e folhas no chão. Teehee.

Deixe um comentário